Uma vida inacabada é baseada em uma história verdadeira?

‘An Unfinished Life’ é um filme dramático de 2005 que explora a vida de um fazendeiro e sua nora afastada, que inesperadamente aparece em sua casa e pergunta se ela e sua filha podem ficar com ele. Tendo se separado após a morte de seu filho em um acidente de carro, o fazendeiro e sua nora traçam um caminho de reconciliação - uma jornada que é emocionante e reveladora.

Vários personagens, como a jovem neta do fazendeiro e seu amigo que vive com ferimentos crônicos após ser atacado por um urso, dão ao filme muitas nuances, e as histórias parecem tão reais quanto metafóricas em seu retrato dos altos e baixos da vida . Você está curioso para saber quanto de ‘An Unfinished Life’ é baseado em uma história verdadeira? Nós temos as respostas!

Uma vida inacabada é baseada em uma história verdadeira?

Não, ‘An Unfinished Life’ não é baseado em uma história verdadeira. Dirigido por Lasse Hallström, o filme é baseado no romance homônimo de 2004 de Mark Spragg, que também escreveu a adaptação para o cinema com sua esposa, Virginia Korus Spragg. O casal aparentemente começou a trabalhar no roteiro antes mesmo de o livro terminar. Em entrevista, Mark detalhou como começou a escrever o romance após muitas horas de discussão com sua esposa, ao longo de um ano de viagens de carro, delineando o livro e o filme.



Enquanto isso, sua esposa começou a trabalhar no roteiro. Os próximos anos foram gastos reescrevendo rascunhos. Como era essencialmente a mesma história contada através das lentes de dois meios diferentes, os escritores permitiram que o meio ditasse a textura de suas respectivas histórias. O filme (e o romance) se passa no rancho de Einar (Robert Redford) em Wyoming, onde sua nora Jean (Jennifer Lopez) vem para escapar de seu parceiro abusivo.

O cenário desempenha um papel ativo na história e é provavelmente inspirado na própria infância do autor, que foi passada em um rancho em Wyoming a alguns quilômetros do Parque Nacional de Yellowstone. Muitos dos personagens também se inspiram nas pessoas com quem Mark cresceu. Einar, o personagem central do filme, extrai muitas de suas qualidades, como sua vida simples e dedicação ao trabalho árduo e à família, dos velhos cowboys que trabalharam no rancho da família Spragg e foram uma grande parte dos anos de formação do autor.

Em seu livro, Mark também escreve do ponto de vista de vários personagens centrais, incluindo Einar’s Black, o veterano de guerra amigo Mitch (Morgan Freeman) e a jovem filha de Jean, Griff. Muitos atributos do primeiro foram extraídos de um dos companheiros de fazenda e mentor de Mark, John, um veterano da 2ª Guerra Mundial e cowboy que o autor descreveu com reverência. A magistral mudança de tom, de um veterano de guerra para o de uma jovem, também é tratada com delicadeza.

Mark descreveu como se inspirou em suas afilhadas e em suas próprias experiências de quando tinha 10 anos para encontrar a voz do personagem de Griff. Sem surpresa, o personagem mais difícil de incorporar e escrever com empatia foi o namorado abusivo de Jean, cujo ponto de vista também faz parte do romance. O romance de Mark Spragg e o filme subsequente escrito por ele e sua esposa Virginia entrelaçam vários personagens contrastantes (homens, mulheres, jovens, velhos, negros e brancos) para formar uma imagem realista da América moderna.

É interessante notar que a história do western contemporâneo, com todas as suas nuances e tramas, partiu de uma imagem que o autor tinha na mente de um homem amargurado de quase 70 anos, sentado em sua varanda. Isso provavelmente se tornou a origem do personagem central de Einar, em torno do qual o resto dos personagens e suas histórias foram gradualmente preenchidos, usando a infância eclética do autor para dar autenticidade a eles. Portanto, embora tecnicamente baseado em uma história fictícia, 'An Unfinished Life' é uma tentativa de representar autenticamente a jornada de pessoas comuns e sua busca por significado e amor compartilhados.

Copyright © Todos Os Direitos Reservados | cm-ob.pt