2ª temporada de memórias de plástico: data de estreia, personagens, enredo

‘Plastic Memories’, também conhecido no Japão como ‘Purasutikku Memorīzu’, é uma série original de anime japonesa dirigida por Yoshiyuki Fujiwara e produzida por Doga Kobo. Naotaka Hayashi escreveu o enredo do anime e também forneceu o roteiro para ele. No entanto, os personagens são projetados pelo famoso ilustrador japonês Okiura.

Data de lançamento da 2ª temporada do Plastic Memories: Quando vai estrear?

A primeira temporada de Plastic Memories estreou em 5 de abril de 2015 e terminou em 28 de junho de 2015 após um total de 13 episódios. É difícil dizer se uma segunda temporada do anime verá a luz do dia, principalmente devido ao fato de que a primeira temporada é saudável em si mesma. Ele consegue desenvolver os personagens de forma eficiente enquanto progride através da história e tudo se justapõe a um clímax extremamente satisfatório. Este é o exemplo perfeito de um tribunal bem feito. Nosso melhor palpite é que no improvável cenário de o anime ser renovado, a data de lançamento da 2ª temporada do Plastic Memories poderia ser em algum momento de 2021. Atualizaremos esta seção assim que aprendermos mais.

Plástico Memórias Inglês Dub:

Não há dublagens em inglês disponíveis para o anime no momento. A Aniplex of America lançou a coleção box-set apenas com legendas em inglês, portanto, duvidamos que uma dublagem em inglês seja lançada em breve. Toda a primeira temporada com áudio original em japonês e legendas em inglês pode ser encontrada em Crunchyroll .



Configuração de memórias de plástico:

‘Memórias de plástico’ se passa em um futuro distante, onde os humanos não estão apenas vivendo ao lado de andróides, mas são altamente dependentes deles para suas atividades do dia a dia. É um tempo de paz e prosperidade com cada ser, seja na carne ou na máquina, encontrando seu próprio lugar na sociedade e se esforçando para beneficiá-lo de uma forma ou de outra. Androids são construções mecânicas controladas por Inteligência artificial mas são semelhantes aos humanos em todos os aspectos. Eles têm a mesma aparência, têm suas próprias necessidades e demandas e até exibem emoções. Eles também são capazes de se apaixonar e exibir o mesmo nível de afeto que um ser humano. Em suma, é impossível distinguir um andróide de um humano se eles próprios não o expressarem.

Existem vários modelos no mercado, cada um tentando superar o outro em termos de semelhança com a raça humana, o que abre espaço para um rápido desenvolvimento. É nessa época que a SAI Corporations, um dos principais fabricantes globais de andróides, apresenta sua mais recente linha de mechs chamada ‘Giftia’. Esses novos modelos são quase cópias de carbono de humanos e, como resultado, são imensamente populares em todo o mundo. No entanto, existe uma grande desvantagem em possuir um ‘Giftia’. Esses modelos têm uma vida útil predeterminada, após a qual muito provavelmente apresentarão problemas de funcionamento e retaliação contra seus proprietários. Portanto, a vida útil de todos os Giftias é determinada de antemão, após o que eles são reprogramados. Esta reprogramação garante que os modelos funcionem como pretendido, mas também apaga todas as memórias do Giftia.

A SAI Corp. estabeleceu o Terminal Services, uma divisão completamente nova destinada a reprogramar os Giftias que expiraram. Um Giftia pode tornar-se mortal se passar o prazo de validade, pois anos de funcionamento degradam os circuitos internos, causando perda de memória, desintegração da personalidade e violentos acessos de raiva. A vida útil média de um Giftia é mais ou menos 81.920 horas, o que se traduz aproximadamente em 9 anos e 4 meses. Este é o tempo máximo recomendado pela SAI Corp. e um andróide deve ser encerrado antes dessa hora.

O serviço do terminal envia agentes para as casas dos proprietários quando seus Giftias estão se aproximando do fim para recuperar os modelos. Esses agentes sempre vêm em pares e geralmente são chamados de 'Observadores' e 'Atiradores'. O par consiste em um agente humano conhecido como ‘Observador’ trabalhando ao lado de seu Giftia designado pela organização conhecida como ‘Atiradores’. Juntos, é seu dever resgatar Giftia envelhecida de volta à sede para reprogramá-la.

No entanto, esta tarefa pode ser realmente desafiadora, pois os proprietários e a Giftia se apegam, depois de trabalharem e permanecerem juntos por um longo tempo. Isso às vezes pode sair do controle, pois alguns proprietários se recusam a desistir de seus parceiros ou decidem ocultá-los do serviço de terminal, sem perceber as implicações de suas ações. Lentamente, mas com segurança, a vida útil atribuída passa e eles começam a funcionar mal, tornando-se desonestos e retaliando contra seus proprietários. Isso coloca em perigo o público em geral nas proximidades e os agentes precisam agir rapidamente para conter os danos.

Plotagem de memórias de plástico:

O enredo principal gira em torno de Tsukasa Mizugaki, um adolescente de 18 anos que falhou miseravelmente no vestibular devido a problemas de saúde. Tendo aceitado seu destino, ele decide arrumar um emprego para aproveitar ao máximo seu tempo. Ele também precisa de dinheiro para pagar suas contas e, portanto, pede a seu pai que lhe encontre um emprego. Seu pai consegue mexer os pauzinhos e consegue para ele um emprego no Terminal Service One como observador. Tsukasa começa a trabalhar, embora não tenha ideia do funcionamento do Terminal Service.

Tsukasa corre para seu escritório no primeiro dia de filiação para descobrir que é parceiro de Isla, uma Giftia que foi designada pessoalmente a ele. A dupla segue para a sala de treinamento, onde recebe o treinamento básico sobre como recuperar um Giftia envelhecido. Logo após a sessão de treinamento, eles recebem sua primeira tarefa na qual são encarregados de recuperar Nina, uma Giftia do tipo criança que está se aproximando de sua vida de seu dono Chizu Shirohana.

Chizu desenvolveu um canto suave por Nina e se recusa a desistir dela. Isla tenta argumentar com ela várias vezes, mas falha miseravelmente, levando Tsukasa a duvidar de suas habilidades. Mesmo assim, a dupla insiste em explicar à velha senhora as consequências de um robô desonesto. Ela se recusa a ceder, momento em que Isla passa a falar diretamente com Nina. Nina entende as implicações da situação e concorda que a dupla a leve embora. Chizu ouve essa conversa e de repente percebe seu egoísmo. Ela concorda com Tsukasa e Isla e permite que levem Nina embora com uma lágrima nos olhos. Ela se desculpa com Nina e confessa que deveria ter perguntado a Nina sobre suas opiniões, e então as duas se abraçaram.

Pessoalmente falando, esse é o brilho absoluto do anime. Sua capacidade de retratar emoções humanas cruas, mesmo através de corpos ocos de metal de estanho, é impressionante e nos deixa pensando sobre a verdade por trás de nossos próprios sentimentos. Tsukasa e Isla voltam para a sede onde Nina é conectada e reprogramada. Eles recebem outras atribuições que não conseguem completar com sucesso, levando Tsukasa novamente a duvidar das habilidades de Isla. Mesmo que o primeiro trabalho tenha sido simples e fácil, Isla não conseguiu convencer Chizu a desistir de seu parceiro. Sendo ela própria uma Giftia e uma veterana na organização, Tsukasa definitivamente espera muito mais dela.

No entanto, como eles falharam na missão que receberam, os dois foram ouvidos por Michiru. Tsukasa passa a culpar ele, sabendo muito bem que a culpa é de Isla. Ele acredita que Isla está passando por alguns problemas, já que está há um tempo fora do campo e decide dar-lhe espaço para se recuperar. Isla observa que ela está apenas arrastando-o para baixo com ela devido à sua incapacidade de executar o mais alto nível, mas Tsukasa quer se esforçar mais. É nessa época que eles decidem que Tsukasa cuidará de todas as interações com os proprietários em vez de Isla, apesar de este não ser seu vigia.

Isla visita constantemente a sala de testes da unidade física devido ao seu estado, quando Yasutaka, uma veterana da empresa, afirma que as visitas são inúteis e que o declínio no seu desempenho não se deve às suas capacidades mas à sua idade. Suas habilidades continuarão a diminuir consistentemente, pois esta é uma das principais características de um Giftia. Tsukasa, sem saber da idade de Isla, ainda não sabe das implicações desse fato e segue para a missão inacabada junto com Isla, determinado a ter sucesso desta vez.

A dupla completa com sucesso sua missão desta vez e recupera o bot em segurança de volta para a sede. Ambos seguem para a sala designada na sede, onde vivem juntos, conforme determinado pela organização. É aqui que Tsukasa percebe que Isla não está falando com ele ou interagindo. Na tentativa de se conectar com ela, ele pede que ela o acompanhe ao shopping. Os dois chegam ao shopping e Tsukasa, como forma de quebrar o gelo, pede que ela escolha algumas ervas para ele. Ele diz a ela que eles deveriam ser um presente para um amigo seu que é exatamente como ela.

Mais tarde, quando estão dando um passeio pelo parque, Tsukasa confessa que as ervas foram realmente feitas para ela e que não havia nenhum amigo. Isla fica surpresa com isso e reage fechando-se emocionalmente, afastando-se e deixando Tsukasa meditando sobre seus pensamentos. Quando ele retorna ao quartel general, ele dá a Isla um pingente de chaveiro dizendo que ela pode jogá-lo fora se quiser. Sabendo muito bem que Isla não aceita presentes, foi uma aposta difícil, mas valeu a pena. Isla abre uma exceção para o pingente e pede desculpas a Tsukasa por seu comportamento no início do parque. Talvez seja aqui que Tsukasa comece a desenvolver um canto suave para Isla, mas ele mal sabe que ela tem menos de 2.000 horas restantes de sua vida.

Personagens de memórias de plástico:

Tsukasa Mizugaki: Adolescente de 18 anos e principal protagonista da história, Tsukasa entra para o Terminal Service depois de ser reprovado no vestibular devido a problemas de saúde. Ele é par de Isla e os dois desenvolvem um vínculo enquanto cumprem tarefas para a organização.

Ilha: Uma veterana na organização que já serviu ao lado de Kazuki como seu atirador, Isla é a protagonista feminina da história. Ela tem uma aparência infantil que consegue esconder suas emoções, o que a torna o exemplo perfeito de estóica. Apesar de sua experiência na empresa, ela tem uma tendência a tropeçar e cair em objetos, muitas vezes levando a situações hilárias. Depois de ficar algum tempo fora do campo, ela é colocada de volta ao serviço depois que Tsukasa chega à empresa. Neste momento, ela tem menos de 2.000 horas restantes em sua vida, resultando em sua incapacidade de desempenhar seu potencial máximo.

Leia mais na prévia do Anime: Charlotte Temporada 2 | Sua mentira na segunda temporada de abril

Copyright © Todos Os Direitos Reservados | cm-ob.pt