Qual é o significado do título da estação onze?

Crédito da imagem: Ian Watson/HBO Max

'Station Eleven' segue uma trupe nômade de atores conhecida como a Sinfonia Viajante em um mundo pós-apocalíptico. Vivendo no rescaldo de uma pandemia mortal, os sobreviventes e crianças pós-pandemia tentam reconstruir a sociedade em grupos fragmentados, dando origem a um novo mundo intrigante.

Ao longo da narrativa não linear, alguns fios consistentes percorrem a história, explorando as ramificações de longo prazo de ideias e filosofias específicas. Talvez a mais enigmática delas seja a graphic novel titular que os protagonistas citam regularmente, às vezes até como gospel. Então, o que o título de 'Station Eleven' realmente significa? Permita-nos elucidar. SPOILERS À FRENTE.

O que significa o título da estação onze?

‘Station Eleven’ segue uma narrativa não linear em camadas que salta entre o início e as consequências imediatas da pandemia e o mundo daqui a vinte anos. Como um filho , Kirsten recebe uma graphic novel intitulada 'Station Eleven' pelo ator Arthur Leander pouco antes de sua morte. O romance é criado por Miranda Carrol, que é ex-mulher do ator e passou anos trabalhando na história. Quando ela finalmente termina, ela publica cinco cópias, embora possamos ver apenas duas.



A história da graphic novel nunca é completamente revelada, mas apenas apresentada em trechos aleatórios. No entanto, ao final, é possível perceber que a narrativa segue pelo menos dois, possivelmente mais, indivíduos (sendo um deles o Dr. Onze) que se perdem no espaço depois de escapar por um buraco de minhoca. Encontrar-se à deriva em uma galáxia estranha antes de finalmente voltar para casa é aparentemente o arco da narrativa da graphic novel, que fica claro na final de temporada . A Estação Onze, como se vê, é a estação espacial em que os protagonistas do livro de Miranda Carroll viajam.

As viagens espaciais estão muito longe da sociedade tecnologicamente primitiva que surge após a pandemia. No entanto, ao longo da narrativa do programa, a história da graphic novel aparece em momentos cruciais, deixando claro que a graphic novel ‘Station Eleven’ é um paralelo simbólico à história do programa. Assim, assim como os personagens perdidos no espaço, os protagonistas da série (principalmente Kirsten e Tyler) se encontram em um mundo estranho após sobreviver à pandemia. No entanto, eles acabam encontrando seu lugar no novo mundo, criando um novo lar para si mesmos.

Assim, a graphic novel, que os dois protagonistas lêem incessantemente (e sabem de cor), segue essencialmente o mesmo arco da história de suas próprias vidas. Em um sentido mais amplo, a história da graphic novel parece simbolizar a experiência de toda a humanidade que viveu a pandemia apocalíptica e agora está ressurgindo como uma nova sociedade depois de passar por um longo período à deriva.

Também é interessante notar que Kirsten e O Profeta (Tyler) são os dois únicos personagens que vivenciam a pandemia ainda crianças, o que os torna intermediários entre a geração antiga e os pós-pans (aqueles nascidos após a pandemia). Kirsten e Tyler também são os únicos que leram a graphic novel no início do show, mas no final, ambos são vistos compartilhando a história com os outros. Assim, as filosofias incorporadas na graphic novel de Miranda Carroll se espalharam pelo novo mundo, tornando o papel do livro ainda mais central.

Assim, ‘Station Eleven’ recebe o título de dentro da própria narrativa e lentamente revela o quão importante é a graphic novel titular. O fato de a Estação Onze ser uma estação espacial também guarda alguns paralelos com a Terra, que também flutua pelo espaço, e (como é o caso da humanidade após a pandemia) carrega uma população de aventureiros tentando encontrar seu lar.

Copyright © Todos Os Direitos Reservados | cm-ob.pt